2013 in review

Posted in Uncategorized on 31 de dezembro de 2013 by Lucio Antoniolo

The WordPress.com stats helper monkeys prepared a 2013 annual report for this blog.

Here’s an excerpt:

A San Francisco cable car holds 60 people. This blog was viewed about 2,600 times in 2013. If it were a cable car, it would take about 43 trips to carry that many people.

Click here to see the complete report.

Yuri Gagarin – Primeiro homem a ir ao espaço – 50 anos da conquista

Posted in Cultura on 4 de janeiro de 2012 by Lucio Antoniolo

See how the first human spaceflight actually occurred when the Soviet Union launched cosmonaut Yuri Gagarin on Vostok 1 on April 12, 1961 in this SPACE.com infographic.
Source SPACE.com: All about our solar system, outer space and exploration

JÁ PENSOU COMO FICARÁ A CHINA DO FUTURO?

Posted in Notícias e política on 23 de agosto de 2011 by Lucio Antoniolo

JÁ PENSOU COMO FICARÁ A CHINA DO FUTURO?

Luciano Pires é diretor de marketing da Dana e profissional de comunicação

Alguns conhecidos voltaram da China impressionados.
Um determinado produto que o Brasil fabrica em um milhão de unidades, uma só fábrica chinesa produz quarenta milhões…
A qualidade já é equivalente. E a velocidade de reação é impressionante.
Os chineses colocam qualquer produto no mercado em questão de semanas….
Com preços que são uma fração dos praticados aqui.

Uma das fábricas está de mudança para o interior, pois os salários da região onde está instalada estão altos demais: 100 dólares.
Um operário brasileiro equivalente ganha 300 dólares no mínimo que acrescidos de impostos e benefícios representam quase 600 dólares.
Quando comparados com os 100 dólares dos chineses, que recebem praticamente zero benefícios…. estamos perante uma escravatura amarela e alimentando-a…

Horas extraordinárias? Na China…? Esqueça !!!
O pessoal por lá é tão agradecido por ter um emprego que trabalha horas extras sabendo que não vão receber nada por isso…

Atrás dessa “postura” está a grande armadilha chinesa.
Não se trata de uma estratégia comercial, mas sim de uma estratégia de “poder” para ganhar o mercado ocidental .

Os chineses estão tirando proveito da atitude dos ‘marqueteiros’ ocidentais, que preferem terceirizar a produção ficando apenas com o que ela “agrega de valor”: a marca.

Dificilmente você adquire atualmente nas grandes redes comerciais dos Estados Unidos da América um produto “made in USA”. É tudo “made in China”, com rótulo estadunidense.

As empresas ganham rios de dinheiro comprando dos chineses por centavos e vendendo por centenas de dólares…
Apenas lhes interessa o lucro imediato e a qualquer preço.
Mesmo ao custo do fechamento das suas fábricas e do brutal desemprego. É o que pode-se chamar de “estratégia preçonhenta”.

Enquanto os ocidentais terceirizam as táticas e ganham no curto prazo, a China assimila essas táticas, cria unidades produtivas de alta performance, para dominar no longo prazo.

Enquanto as grandes potências mercadológicas que ficam com as marcas, com o design…suas grifes, os chineses estão ficando com a produção, assistindo, estimulando e contribuindo para o desmantelamento dos já poucos parques industriais ocidentais.

Em breve, por exemplo, já não haverá mais fábricas de tênis ou de calçados pelo mundo ocidental. Só haverá na China.

Então, num futuro próximo veremos os produtos chineses aumentando os seus preços, produzindo um “choque da manufatura”, como aconteceu com o choque petrolífero nos anos setenta. Aí já será tarde de mais.
Então o mundo perceberá que reerguer as suas fábricas terá um custo proibitivo e irá render-se ao poderio chinês.

Perceberá que alimentou um enorme dragão e acabou refém do mesmo.
Dragão este que aumentará gradativamente seus preços, já que será ele quem ditará as novas leis de mercado, pois será quem manda, pois terá o monopólio da produção .

Sendo ela e apenas ela quem possuirá as fábricas, inventários e empregos é quem vai regular os mercados e não os “preçonhentos”.

Iremos, nós e os nossos filhos, netos… assistir a uma inversão das regras do jogo atual que terão nas economias ocidentais o impacto de uma bomba atômica… chinesa.

Nessa altura em que o mundo ocidental acordar será muito tarde.

Nesse dia, os executivos “preçonhentos” olharão tristemente para os esqueletos das suas antigas fábricas, para os técnicos aposentados jogando baralho na praça da esquina, e chorarão sobre as sucatas dos seus parques fabris desmontados..

E então lembrarão, com muita saudade, do tempo em que ganharam dinheiro comprando “balatinho dos esclavos” chineses, vendendo caro suas “marcas- grifes” aos seus conterrâneos.

E então, entristecidos, abrirão suas “marmitas” e almoçarão as suas marcas que já deixaram de ser moda e, por isso, deixaram de ser poderosas pois foram todas copiadas….

REFLITAM E COMECEM A COMPRAR – JÁ- OS PRODUTOS DE FABRICAÇÃO NACIONAL, FOMENTANDO O EMPREGO EM SEU PAÍS, PELA SOBREVIVENCIA DO SEU AMIGO, DO SEU VIZINHO E ATÉ MESMO DA SUA PRÓPRIA… E DE SEUS DESCENDENTES.

Notícias através de Control-C e Control-V

Posted in Computadores e Internet on 13 de maio de 2011 by Lucio Antoniolo

Há tempos que venho percebendo erros grosseiros de tradução nas notícias do jornal O Globo na versão on line.

Hoje eu percebi que o que ocorre é um Control-C e Control-V da notícia, o famoso “copiar e colar”.

Olhem a legenda da foto abaixo:

Copiar e colar

Copiar e colar

O que você verá na área de TI e só um profissional de TI entenderá

Posted in Computadores e a Internet on 9 de maio de 2011 by Lucio Antoniolo

Hoje, enquanto lia um white paper sobre um produto, comecei a pensar em um leigo lendo o texto e tentando desvendar o que quer dizer aqueles termos. Percebi que o pessoal de TI é meio maluco mesmo. Creio que não haja nenhuma área que tenha tantos jargões e termos técnicos quanto essa.

Veja só um trecho do artigo que estava lendo:
Agilidade resiliente por menos
Projetado para superar as limitações de arrays de
médio porte e monolíticos, o HP 3PAR Utility Storage
oferece uma plataforma de armazenamento altamente
virtualizada, dinamicamente distribuída em camadas,
podendo ser usada por vários usuários (multi-tenant)
para uma computação resiliente por utilização. A
abordagem de virtualização interna baseada em array
do HP 3PAR Utility Storage possibilita que os arrays
T-Class cortem em até 50% o custo total de propriedade
(TCO) para armazenamento, ao mesmo tempo dando
a você agilidade para responder instantaneamente a
demandas de negócios em constante mudança. Os
arrays T-Class tornam esses resultados possíveis cortando
em até 75% os custos de SAN, capacidade, energia
e espaço físico, reduzindo em até 90% o tempo de
administração e eliminando a necessidade de serviços
profissionais específicos de array.”

Aff…

Pracas do Brasil 2!

Posted in Cultura on 3 de maio de 2011 by Lucio Antoniolo

Essa propaganda de muro pode ser vista na Estrada Rio do Pau na Pavuna, bairro do Rio de Janeiro.

No letreiro a propaganda garante que faz seu site e que “você vai crescer“. Reparem no “Site” e no “crescer”…

Faço seu site!

Faço seu site!

Porque nos distanciamos dos amigos

Posted in Pensamento on 27 de abril de 2011 by Lucio Antoniolo

Houve uma vez dois amigos:
Eles eram inseparáveis, eram uma só Alma. Mas por alguma razão seus caminhos tomaram dois rumos distintos e se separaram.

E a história deles é assim:

Eu nunca voltei a saber do meu amigo até o dia de ontem, depois de 10 anos, caminhando pela rua me encontrei com a mãe dele.
Comprimentei-a e perguntei por meu amigo. Nesse momento seus olhos se encheram de lágrimas e me olhou nos olhos dizendo:
-Morreu ontem…
Não soube o que dizer a ela, ela seguia me olhando e então perguntei como ele tinha morrido.
Ela me convidou a ir a sua casa, ao chegar ali me chamou para sentar na velha sala onde passei grande parte de minha vida, sempre brincávamos ali, meu amigo e eu.
Me sentei e ela começou a contar-me a triste história.
Fazia 2 anos que diagnosticaram uma rara enfermidade, e sua cura dependia de receber todo mês uma transfusão de sangue durante 3 meses, mas… Lembra que seu sangue era muito raro?
Sim, eu sei, igual ao meu…

Ele dizia que da única pessoa que receberia sangue seria de ti, mas não quiz que te procurássemos, ele dizia todas as noites:
-Não o procurem, tenho certeza que amanhã ele virá…
Assim passaram os meses, e todas as noites se sentava nessa mesma cadeira onde você está sentado e orava para que se lembrasse dele e viesse na manhã seguinte.
Assim acabou sua vida e ontem na última noite de sua vida, estava muito mal, e sorrindo me disse:
-Mãe, eu sei que logo meu amigo virá, pergunta pra ele por que demorou tanto e entrega a ele esse bilhete que está na minha gaveta.
A senhora se levantou, regressou e me entregou o bilhete que dizia:
Meu amigo, sabia que você viria, se atrasou um pouco mas não importa, o importante é que você veio. Agora estou te esperando em outro lugar, espero que demore muito para chegar aqui, mas enquanto isso quero dizer que aqui no céu tem um amigo cuidando de ti, meu querido melhor amigo. Ah, certamente, se lembrará porquê nós nos afastamos? Sim, foi porque não quiz te emprestar minha bola nova, rsrs, que tempos heim… Éramos insuportáveis! Bom, pois quero dizer que te dou ela de presente e espero que goste muito. Amo você! Teu amigo de sempre e para sempre!